Refoios

quinta-feira, 19 de março de 2015

PROJETO "SOY NIÑO, SOU CRIANÇA"

Implementação do projeto de Educomunicação, Ambiente e Cidadania Infantil na EB1 de Refoios



Foi concluída a implementação do projeto de "Educomunicação, Ambiente e Cidadania Infantil", da Associação "Soy Niño, Sou Criança", da autoria da venezuelana Grécia Rodriguez e do brasileiro Leonardo de Albuquerque, junto dos alunos do 4º ano, do 1º ciclo de Refoios.

Das ações efetuadas destacaram-se as oficinas de sensibilização, no sentido de promover a cidadania infantil através do estímulo das capacidades comunicacionais, aprendizagem coletiva e compromisso assumido com a natureza, o universo das crianças e a vida em convivência com o ambiente e com o outro.

Durante esta ação realizaram-se gravações de propostas e ideias das crianças desenvolvidas a partir de diálogos e debates que as mesmas dinamizaram, sobre temas relativos ao ambiente e à cidadania infantil. A participação foi profícua, e permitiu o fortalecimento da autoestima e pensamento sensível, fatores importantes nos processos de crescimento e desenvolvimento do raciocínio e da inteligência emocional.

O projeto teve destaque de divulgação na página Conversas Gigantes sobre, para e com as crianças, publicada no jornal Diário do Minho.

Segundo os autores do projeto, há ainda duas metas a atingir, nomeadamente concluir a edição das gravações para solicitar uma possível divulgação na Rádio Ondas do Lima e uma montagem dos cartazes com os trabalhos feitos pelas crianças  para uma futura exposição na Biblioteca Municipal de Ponte de Lima ou uma eventual exposição nas escolas onde as crianças possam apresentar a toda a comunidade.

De salientar que esta iniciativa teve o apoio do Município de Ponte de Lima.

3 comentários:

  1. As crianças sempre estão abertas aos desafios e aventuras. Esta disponibilidade representa uma oportunidade perfeita para o aprendizagem e ao mesmo tempo, mostra, mais uma vez, o espírito lúdico da criança. Unido a isto, ela tem um imensa imaginação e curiosidade, duas qualidades para desenvolver e adquiri o conhecimento. A escola, deve abrir suas janelas e portas para explorar a paisagem a sua volta -a terra, os rios, as florestas, os cultivos, a cultura, o património, a história- e assim integrar todas as dimensões da educação no quotidiano da vida das crianças, especialmente, em seu mundo interior. Quando a criança adquire autonomia, ela alimenta múltiplas ferramentas sociais, políticas e culturais para desenvolver-se plenamente. Neste projeto que juntos trabalhamos tentamos contribuir um pouco a este objetivo.
    Vivemos num mundo complexo. Todos temos que fazer um esforço em refletir sobre o papel de nossos recursos naturais, que são limitados. Neste sentido, as crianças devem crescer sensibilizadas e com sentimentos à Natureza e à Terra. Obrigado pela cooperação oferecida a nosso Projeto de “Educomunicação, Ambiente e Cidadania Infantil”.


    Abraços amigos de Leonardo de Albuquerque Batista e Grécia Rodríguez
    Coordenadores “Soy Niño, Sou Criança”

    ResponderEliminar